Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

Vereadores pedem a suspensão de concurso público em Caridade do Piauí

Cinco dos nove vereadores do município de Caridade do Piauí ajuizaram Ação Popular com pedido de liminar contra a Prefeitura Municipal e a empresa César Ernani Ibiapina Rufino ME – Instituto Professor César Rufino no intuito de suspender a realização de Concurso Público anunciado pela municipalidade em decorrência de inúmeros indícios de ilegalidade praticados. Os vereadores querem, além da suspensão, a anulação de todos os atos praticados para a contratação da empresa realizadora do certame.
De acordo com a Ação Popular, ajuizada pelos vereadores Leonardo de Araújo Bento (PTB), Francisco Avilmar Leal (PMDB), Miguel Sousa da Silva (PDT), Maria da Silva (PDT) e Osvaldo Gomes da Silva (PSD), o prefeito José Lopes Filho (PTB) lançou edital de concurso público em 09 de dezembro de 2014 para preenchimento de cargos efetivos do município. O edital disponibiliza vagas não autorizada por Lei, cometendo o gestor ato de improbidade administrativa e pondo em risco a nomeação dos aprovados. O legislativo municipal não disciplinou, através de Lei, a criação das vagas ofertadas, carga horária de trabalho, requisitos de investidura e salário do servidor. 
Chama atenção no edital do concurso o requisito exigido para o cargo de Agente Administrativo/Agente de Inspeção, apenas “certificado de curso de informática” sem especificar se é curso técnico ou superior de informática e para o cargo de Agente de inspeção consta como requisito mínimo que o candidato seja “Técnico em Agropecuária, em Alimentos ou similar”, não especificado o grau de escolaridade.
A empresa organizadora do concurso foi aberta em 25 de março de 2014 e não possui dentre suas atividades econômicas, principal e secundárias, habilitação para a atividade de realização de concurso público. Da data da abertura da empresa até o lançamento da carta-convite para contratação se passaram apenas seis meses o que comprova a ausência de tempo hábil para a realização do concurso público. No site da instituição não consta nenhuma informação sobre outro concurso que tenha sido realizado pelo Instituto Professor César Rufino.
Imagem: DivulgaçãoDados do Instituto Professor Cesar Rufino na Receita Federal(Imagem:Divulgação)Dados do Instituto Professor Cesar Rufino na Receita Federal
A Fundação Madre Juliana e a Fundação Vale do Piauí – FUNVAPI tentaram participar do processo licitatório, porém, foram informados do cancelamento da licitação, quando na verdade a licitação foi efetuada, com indícios de direcionamento pelo não acesso das empresas interessadas.
A ação popular foi ajuizada última quinta-feira, 22 de janeiro de 2015.

Fonte: GP1

FUNCIONÁRIO acidentado em uma das empresas que trabalham no complexo Chapada do Piauí I, não morreu, informa a GE

Na quarta-feira, 14 de dezembro de 2014, fizemos divulgar matéria através da qual informamos que um funcionário de uma das empresas que trabalham na construção do Complexo Eólico Chapada do Piauí I, teria morrido, vítima de acidente, quando este montava uma das torres no complexo eólico em citação. Através de Nota Oficial, assinada pela Camila Teixeira, a GE informa que o funcionário não morreu.
Nota Oficial da GE!
"Na noite de 9 de janeiro, um funcionário da Eurogruas Arteche se feriu durante a construção de uma turbina eólica da GE em projeto realizado no complexo Chapada do Piauí I, localizado em Simões-PI e controlado em parceria pela Contour Global e Chesf. Após o ocorrido, o funcionário foi imediatamente transferido de ambulância para o hospital, sendo posteriormente liberado em boas condições", informa Camila Teixeira.
Informa Camila Teixeira: "Segurança é uma das prioridades da GE e estamos trabalhando em conjunto com Eurogruas Arteche, Contour Global e Chesf, a fim de investigar o ocorrido", disse Camila, para quem a frota global de mais de 25 mil turbinas da GE já registrou mais de 500 milhões de horas de operação segura. Nosso sucesso na indústria é reflexo do nosso histórico de alta confiabilidade e segurança em nossas operações.
Por Adauto Ferreira - Portal Novos Tempos - Fonte: Camila Teixeira assinou a nota da GE

Prefeitura de Padre Marcos empossa mais 30 aprovados em concurso

Trinta novos servidores passam a integrar o quadro de servidores efetivos da Prefeitura Municipal de Padre Marcos. Após serem aprovados em concurso público, foram empossados em solenidade realizada nesta quarta-feira, 28, na Câmara Municipal.
Na cerimônia, o procurador jurídico do município, Dr. David Benevides, deu as boas vindas aos servidores e conclamou que os mesmos exerçam com responsabilidade, dedicação e empenho as suas respectivas funções e contribuam com o desenvolvimento do município.
DSC_0005
O advogado ainda repassou uma série de importantes informações aos novos servidores, como o regime jurídico adotado pelo município, cujas regras são as previstas na CLT; falou sobre a estabilidade dos servidores, que só se dará após o período probatório de três anos após a avaliação especial de desempenho; e o direito de férias, adquirido após um ano de trabalho.
Dr. David alertou, ainda, sobre o cumprimento da carga horária a ser cumprida pelos servidores. Segundo ele, não haverá exceções. “Os novos servidores devem estar cientes de que deverão cumprir integralmente a jornada semanal de trabalho, conforme previsão no edital, seja de 20 ou de 40 horas semanais”, disse enfatizando que o não cumprimento da mesma ensejará em falta grave, estando o servidor sujeito às penalidades previstas na lei, inclusive o desconto salarial.
Os novos servidores iniciam as atividades nos respectivos órgãos da administração municipal a partir do dia 02 de fevereiro.
Participaram da solenidade, além do procurador do município, o vice-prefeito do município, Valdinar Silva, o vereador presidente da Câmara, Roberval Conrado Lima, a secretária de Saúde, Ana Márcia, o vereador Assis Macedo e o controlador interno do município, Jocione Soares.
Veja mais fotos:
DSC_0078DSC_0072  DSC_0092DSC_0091DSC_0082DSC_0080DSC_0079DSC_0077DSC_0075DSC_0073DSC_0071DSC_0070DSC_0069DSC_0067DSC_0066DSC_0062DSC_0061DSC_0059DSC_0058DSC_0056DSC_0055DSC_0054DSC_0052DSC_0051DSC_0049DSC_0048DSC_0047DSC_0045DSC_0044DSC_0041DSC_0040DSC_0039DSC_0037DSC_0035DSC_0032DSC_0030DSC_0028DSC_0027DSC_0024DSC_0023DSC_0021DSC_0018DSC_0015DSC_0013DSC_0012DSC_0011DSC_0010DSC_0007DSC_0001DSC_0085